Municípios do Recôncavo reativam conselhos de cultura após os festejos juninos

Imagem

As cidades de Cachoeira e Cruz das Almas, no Recôncavo baiano, se preparam para reativar seus conselhos municipais de cultura após os festejos juninos. Por conta das agendas carregadas de eventos culturais nesse período do ano, os gestores dos dois municípios pretendem convocar a sociedade civil para eleição de novos conselheiros e regularização do órgão.

Em Cachoeira, o mandato dos conselheiros expirou e uma nova eleição está prevista para julho. “Temos o plano de cultura e a lei de financiamento à cultura. Agora faremos uma conferência municipal assim que acabar o São João”, afirma o coordenador da Secretaria de Cultura do município, Léo Cachoeira, que é um dos representantes do poder público no Conselho.

Já em Cruz das Almas, uma das cidades mais festivas da Bahia no São João, o secretário de cultura Ronaldo Santana optou por cuidar das demandas juninas e, em seguida, realizar a eleição de novos conselheiros. Santana pretende “agilizar” a implantação do Sistema Municipal de Cultura e espera ampla participação dos agente culturais do município.

“O Conselho já excedeu o limite de inatividade, então, nos reuniremos logo após os festejos juninos. Primeiro faremos uma reunião com as entidades culturais para discutir as eleições. Vamos dar mais prioridade à sociedade civil e temos alguns nomes do poder público. Ano passado, tivemos dificuldades por falta de informações da gestão do conselho anterior. Praticamente começaremos do zero e vamos nos reunir com os atores culturais do município para que eles façam parte do processo”, assinala.

IMPORTANTE – Em cidades com o conselho de cultura estruturado, é possível unir a celebração do São João com debates sobre políticas culturais. É o caso de São Francisco do Conde, também no Recôncavo, onde os agentes culturais aproveitam para discutir no Conselho as ações que acontecerão no período junino.

De acordo com o diretor de cultura e secretário-executivo do Conselho, Antônio Araan, na última reunião do órgão foi discutido o São João da cidade e o planejamento do Plano Municipal de Cultura. O Conselho de Cultura de São Francisco do Conde é paritário, com 14 membros titulares e 14 suplentes

O órgão possui regimento aprovado e realiza reuniões mensais, sempre na segunda terça-feira do mês. As políticas culturais no município avançam de modo que, segundo a secretária de cultura Sandra Pitanga, este ano foi implantado o sistema de editais pela primeira vez.

O edital está dividido em quatro grupos (Bloco Junino, Festival Junino, Festival Junino de Bairro e Quadrilha Junina). “O concurso utiliza o Fundo Municipal de Cultura e tem como objetivo fortalecer as tradições juninas”, explica. As inscrições para o concurso encerraram no dia 12 de junho.

>> Saiba mais sobre o edital do São João de S. F. do Conde

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s