SecultBA lamenta o falecimento do escritor Ariano Suassuna

7152577379_844f9aa54b_z

A Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA) manifesta seu pesar e solidariedade à família do escritor, poeta e dramaturgo paraibano Ariano Suassuna, que faleceu nesta quarta-feira, 23,  em Pernambuco.  O falecimento de Ariano Suassuna é uma perda irreparável para a cultura nacional. O inegável legado deixado pelo escritor na literatura, no teatro, nas artes plásticas e na música jamais será esquecido.

Sábio gestor das palavras e autor dos clássicos “Auto da Compadecida” e “O Santo e a Porca”, ele foi o principal teórico e um dos fundadores do Movimento Armorial, que defende a criação de uma arte erudita a partir de elementos da cultura popular do Nordeste do Brasil. Ariano era membro das Academias da Paraíba e de Pernambuco e ocupava a cadeira 32 da Academia Brasileira de Letras.

Mesmo com os problemas na saúde, ele permanecia em plena atividade profissional. Em 2012, foi o convidado ilustre da primeira edição da “Celebração das Culturas dos Sertões”, evento realizado pela SecultBA, em Feira de Santana. Já no último dia 16 de julho, em Salvador, se apresentou no palco principal do Teatro Castrou Alves (TCA), discutindo temas sobre arte e identidade cultural, através de uma aula-espetáculo do projeto em sua homenagem, denominado “Ariano Suassuna – Arte como Missão”.  O enterro será realizado nesta quinta-feira, em Recife, Pernambuco.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s