Programa Escolas Culturais será desenvolvido por três Secretarias do Governo do Estado

Iniciativa proposta pela Cultura envolve Educação e Justiça, através  dos programas Educar para Transformar e Pacto pela Vida

Capturar

O governo da Bahia vai realizar o Escolas Culturais, um grande programa de dinamização cultural nas escolas do Estado. O programa será dirigido por três secretárias estaduais: Cultura; Educação; e Justiça, Cidadania, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social. As três pastas já assinaram protocolo de intenções, publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) de 21 de maio deste ano.

A partir do Escolas Culturais, as unidades estaduais de ensino, contempladas pelo programa, terão programação artística e cultural, produzida pelo própria comunidade cultural, entendida como Escola e Comunidade. A ideia do programa, além de proporcionar a dinamização cultural das escolas, é oferecer formação em gestão e políticas culturais para professores e comunidades.

Critérios – Ao todo o programa prevê investimento de mais de R$ 3,1 milhões, a ser disponibilizado com formação de agentes e compra de equipamentos, como notebooks, máquinas fotográficas, projetores e telões, assim como na programação cultural.

As atividades, formações e recursos, estarão disponíveis, através de uma ação piloto em escolas da rede pública estadual, alcançadas por critérios específicos. Entre os critérios de seleção das escolas está a sua localização: em municípios com até 20 mil habitantes, com alto índice de vulnerabilidade social e menor índice de desenvolvimento humano; nas cidades prioritárias do programa Pacto pela Vida, referente às ações de enfrentamento à violência; e em bairros de Salvador, atendidos por Base Comunitária de Segurança.

A proposta do Escolas Culturais é chegar a toda a Bahia, através de presença garantida nos 27 Territórios de Identidade do Estado. O programa foi proposto pela Secretaria de Cultura, com base nos princípios da Lei Orgânica da Cultura da Bahia (Lei 12.365/2011) e contempla outros dois programas prioritários do Governo do Estado, o Educar para Transformar e o Pacto pela Vida.

“O Escolas Culturais coloca a cultura no seu devido lugar”, afirma o Secretário de Cultura, Jorge Portugal, sobre o programa. Para o secretário o Escolas Culturais vai transformar as unidades escolares em espaços culturais da comunidade. “Onde a comunidade vai se encontrar e ter verdadeiras aulas a partir dos fazedores de cultura e partir das linguagens como música, teatro, dança, entre outras”, declarou Portugal.

Núcleos – Para o desenvolvimento do Escola Culturais, a estratégia é criar um Núcleo Permanente de Arte e Cultura em cada uma das escolas atendidas e assim gerenciar produtos e recursos destinados a uma programação cultural anual, subsidiando a escola na execução de projetos culturais.

Os núcleos serão formados por agentes escolares e comunitários. Terão participação nos núcleos os membros da comunidade escolar; artistas, grupos e entidades culturais da comunidade; Pontos de Cultura e Pontos de Leitura; Representantes Territoriais de Cultura, da Secretaria de Cultura do Estado; e os estudantes dos projetos FACE (Festival Anual da Canção Estudantil), AVE (Artes Visuais Estudantis) e TAL (Tempos de Arte Literária), entre outros.

“A ideia principal é o oferecimento para a comunidade escolar, formada por estudantes, professores, pais e servidores, acesso a uma programação artística e transformar a escola em um espaço cultural para além do grande espaço de interação social que ela já é”, declarou Sandro Magalhães, Superintendente de Desenvolvimento Territorial da Cultura.

Com a adoção do Escolas Culturais serão distribuídas para as unidades de ensino contempladas, no mínimo, cerca de mil atividades culturais. Além disto, serão formados mais de 267 agentes entre professores, estudantes e representantes territoriais de cultura e as escolas públicas serão ocupadas como residências artísticas.

Imagem: Divulgação

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s