Fortalecimento da Rede de Cooperação Cultural do Território Velho Chico – Ano 02

rede_coop_big

O Projeto “Fortalecimento da Rede de Cooperação Cultural do Território Velho Chico foi contemplado pelo Edital “Cultura em Redes” do Ministério da Cultura em 2015, proposto pela FUNDIFRAN, sob a coordenação de Cléber Eduão. Propõe ações de Formação da Política Cultural com atividades em Redes, as ações estão acontecendo desde o mês de Junho iniciando em Ibotirama e circulando em 09 dos 16 municípios, chegando até os povos originários e as Comunidades Tradicionais, Mulheres Campesinas e também nos Pontos de Cultura.

Desta vez foi construído uma parceria direta com a SECULT, através do seu Representante Territorial de Cultura, João Souza Pereira, facilitando a formação “in loco” e a mobilização dos agentes culturais, dirigentes municipais, Câmara Temática de Cultura, artistas dos mais diversos segmentos artístico-culturais, mais diretamente, com oficinas de elaboração de Projetos Culturais, rodas de conversas, Seminários, Discussão sobre a Lei de Cultura Viva, Leis de Incentivo e Fomento à Cultura, SMC, Patrimônios  etc.

As ações do Projeto buscam promover a formação da comunidade cultural, artistas,produtores culturais, educadores, através dos seus agentes culturais,  bem como estimular a participação do público em geral, visando capacitá-los para o fortalecimento do trabalho das Redes

O encerramento do Projeto acontecerá na cidade de Ibotirama –Bahia com a Semana do Rio São Francisco quando acontecerá inúmeras atividades formativas como: Seminário Temático sobre Patrimônios. Shows, Recitais Poéticos, Cultura Popular, Feira de Artesanato, exposições de produtos culturais, artes e artesanato trazidas pelos municípios do Território, na Praça “Ives de Oliveira”  (Praça do Coreto) nos dia 12 de novembro de 2016

Fundo de Cultura do Estado da Bahia (FCBA) – Criado em 2005 para incentivar e estimular as produções artístico-culturais baianas, o Fundo de Cultura é gerido pelas Secretarias da Cultura e da Fazenda. O mecanismo custeia, total ou parcialmente, projetos estritamente culturais de iniciativa de pessoas físicas ou jurídicas de direito publico ou privado. Os projetos financiados pelo Fundo de Cultura são, preferencialmente, aqueles que apesar da importância do seu significado, sejam de baixo apelo mercadológico, o que dificulta a obtenção de patrocínio junto à iniciativa privada. O FCBA está estruturado em 4 (quatro) linhas de apoio, modelo de referência para outros estados da federação: Ações Continuadas de Instituições Culturais sem fins lucrativos; Eventos Culturais Calendarizados; Mobilidade Artística e Cultural e Editais Setoriais.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s